Rede sobre atendimento aos usuários de drogas será lançada em Petrópolis

Por Juliana Oliveira

 

Será lançada oficialmente na próxima terça-feira, 07/07, a Rede Sobre Políticas e Práticas de Cuidado aos Usuários de Drogas. O evento, que acontecerá na sede  do Centro de Defesa dos Direitos Humanos de Petrópolis (CDDH) às 10h, visa estimular a participação popular e agregar novos parceiros para a rede.

Estimulada por  integrantes do CDDH e do Conselho Regional de Psicologia do Rio de Janeiro (CRP-RJ), a iniciativa foi criada com o objetivo de promover discussões que incentivem a criação de novas práticas e políticas públicas para atender aos dependentes químicos, e também é composta por representantes do Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (CAPSAD), do Conselho Regional de Serviço Social (CRESS), do Conselho Tutelar, da Comissão Municipal de Álcool e Drogas, da Comissão de Saúde da Câmara Municipal de Petrópolis e da Faculdade Arthur Sá Earp Neto  (FASE/FMP). 

Reunidos desde o dia 19/05,  data em que é celebrada a luta antimanicomial,  os integrantes da rede buscam ainda, estimular uma atuação menos segregadora por parte dos diversos atores envolvidos no atendimento a esta população.

Os debates colocam em pauta ainda, a eficácia da política de redução de danos e de abstinência e as práticas de cuidado que hoje acabam dificultando o processo de autonomia, com o exercício da tutela.

De acordo com Rafael Coelho Rodrigues, membro da Coordenação Executiva do CDDH, as políticas públicas precisam trabalhar visando a inclusão."A lógica antimanicomial está sendo mantida na sociedade a partir da internação de usuários de drogas e nós defendemos a efetiva implantação da Lei 10.216, que prevê o respeito à dignidade humana das pessoas com transtornos mentais", afirma Rafael.